Assinar
Educação para Vencer. Educação Infantil, Ensino Fundamental, Ensino Médio com Pré-Vestibular e ENEM

Alunos do Anchieta avançam na Olimpíada Nacional de Biologia

Três alunos do Colégio Anchieta em Teixeira de Freitas são destaques na XII Olimpíada Brasileira de Biologia (OBB). Guilherme Nunes, Ana Laura Souza e Gustavo Carvalho, foram classificados para segunda fase da Olimpíada e já aguardam o resultado para etapa nacional.

94532img_9170_-_copia

Eles fizeram a prova da segunda fase no último final de semana na cidade de Eunápolis. Além deles, outros alunos do Anchieta também participaram da primeira fase da competição.

A OBB faz parte do projeto Olimpíadas de Ciências, que reúne eventos internacionais que contam com a assinatura da UNESCO. Além da OBB, os alunos do Anchieta também participam das Olimpíadas de Física, que tem sua primeira fase iniciada nesta sexta-feira, 20 e Química.

Resultados

A Aluna Ana Laura, uma das classificadas na OBB 2016, foi a campeã baiana da Olimpíada Baiana de Química (OBAQ) ano passado. Primeira aluna teixeirense a chegar na etapa estadual da competição, ela agora se prepara também para a etapa intermediária Norte/Nordeste que ocorre no próximo mês, podendo ser campeã nacional de Química ainda este ano.

Para os alunos, as participações nesse tipo de evento dão uma dinâmica diferente ao aprendizado, além de motivar o empenho nos estudos. Todos eles conheceram o universo das Olimpíadas por meio do Desafio Nacional Acadêmico, onde tiveram resultados de excelência.

O Anchieta e o diferencial

Márcia Tirello, coordenadora pedagógica do Anchieta, explica que os resultados obtidos em Olimpíadas e também no ENEM, onde a taxa de aprovação dos alunos da escola é bastante superior com relação as demais instituições de ensino, é resultado de um trabalho direcionado feito no dia a dia em sala de aula.

94532img_9176

O Anchieta trabalha com o Sistema Objetivo que há seis anos consecutivos é líder no Enem – MEC em todo Brasil, o ranking considera a média das provas objetivas – Linguagem, Matemática, Ciências Humanas e Ciências da Natureza.

O diferencial está diretamente ligado a preocupação básica de que o aluno compreenda que o material aplicado é voltado para sua vida cotidiana correspondendo suas necessidades como cidadão e não somente um conhecimento vazio.

Apesar de ser sido lançado ano passado, as práticas de ensino da Base Nacional Comum Curricular (BNC) do Ministério da Educação, são uma realidade antiga no Anchieta que fundamentou com a nova ferramenta, o seu jeito de praticar a alfabetização sócio-funcional.

A BNC é uma ferramenta que auxilia os sistemas educacionais, escolas e os professores, que passam a ter um importante instrumento de gestão pedagógica.

O objetivo do BNC é fazer com que o educador prepare a aula com três divisões: parte conceitual, operacionalidade e aplicabilidade social. Por conta disso o Colégio trabalha com elementos que levam o aluno para além do assunto na busca não apenas de resultado, mas também de conhecimentos, como, por exemplo, as mostras culturais desenvolvidas ao longo do ano letivo.

Márcia explica também, que outro diferencial do Anchieta é o sistema de avaliação que é feito por meio de simulados com a mesma linha do Enem feitos pelo menos duas vezes a cada mês, o que justifica o alto índice de aprovação no Enem, competições e outros concursos. “o hábito de estudar com esse sistema vai criando no alunado, a tranquilidade de executar exames, dando  equilibro e domínio do tempo, além do conhecimento”, destaca a coordenadora que ainda comentou o empenho dos professores lembrando o nome do professor Cássio Gabaglia.

94532img_9180

Para a diretora geral do Anchieta, Maria Helena as colocações e avanços dos alunos é resultado do conhecimento absorvido dentro da sala de aula e reconhecimento de todo o trabalho feito pela coordenação pedagógica.

Fonte: https://www.sulbahianews.com.br/alunos-do-anchieta-avancam-na-olimpiada-nacional-de-biologia/